21 °C São Paulo, BR
2 de dezembro de 2021

TOURATECH AG – insolvência e reestruturação financeira da fábrica alemã

A Touratech AG, empresa especialista em acessórios para motocicleta solicitou insolvência. Isto foi anunciado por Ingo Schorlemmer, assessor de imprensa do escritório de advocacia Schultze e Braun, em comunicado feito à imprensa. Dirk Pehl foi nomeado temporariamente como administrador da insolvência. No entanto, as operações comerciais da empresa devem permanecer inalteradas. A Touratech é a maior empresa empregadora da cidade de Niedereschach, na Alemanha, com cerca de 400 funcionários.

De acordo com o comunicado de imprensa divulgado na sexta-feira 11.08, os funcionários da Touratech foram informados pelo administrador provisório e pela diretoria executiva sobre a insolvência e a situação atual em uma reunião realizada na empresa. Os salários e demais benefícios estão sendo pagos normalmente. Dirk Pehl usará a fase de insolvência provisória para obter uma visão geral da situação econômica da empresa e examinar quais são as opções de reestruturação.

“A Touratech já elaborou planos iniciais para um conceito de reestruturação com seus consultores antes do pedido da insolvência”, diz Pehl após uma pesquisa inicial. “A primeira coisa que precisamos fazer é implementar a reestruturação que já começou e desenvolver oportunidades para colocar a empresa em uma base financeira e econômica saudável, de modo a preservar a localização da fábrica e os postos de trabalhos, tanto quanto possível”, disse o administrador da insolvência.

O motivo da insolvência é a implementação tardia do novo edifício, que a Touratech considerou necessário devido ao aumento da demanda, afirma o comunicado feito à imprensa. As dificuldades associadas à logística e à produção, bem como as consideráveis ​​perdas de produção e provisão levaram eventualmente à insolvência da empresa.

O novo centro de logística de três edifícios abriga um armazém moderno em suas instalações, além de oficina, escritórios administrativos, loja Touratech e bistrô, bem como os escritórios de vendas, marketing e gerenciamento de produtos, anteriormente alojados no antigo prédio. Ele foi posto em operação em agosto de 2016, após um período de construção de seis meses e meio, e foi inaugurado no final de outubro de 2016, com uma grande cerimônia, com a participação do administrador distrital Sven Hinterseh e do prefeito Martin Ragg.

A empresa investiu mais de dez milhões de euros (11,8 milhões de dólares) no novo prédio da Rua Dauchinger, com uma área de cerca de 20 mil metros quadrados, construído próximo a Niedereschach. De acordo com a declaração da empresa, os empregos existentes devem ser garantidos e ainda criados novos empregos.

Comunicado oficial feito pela Touratech AG (e replicado pela Touratech Middle East):

 

  Nota da Redação: As operações da empresa (produção de peças, vendas, etc.) continuam normais no mundo todo e, claro, aqui no Brasil também, fato esse que nos foi confirmado pela própria “Touratech Brasil” e pode também ser lido no blog deles diretamente, basta clicar aqui.   

Fonte original: suedkurier.de
Tradução Livre: Equipe TNE

Artigos Interessantes

CNSP aprova redução média de 63,3% do valor do DPVAT em 2019

O Conselho Nacional de Seguros Privados (CNSP) aprovou nesta quarta-feira (12/12) resolução que reduz os prêmios tarifários do DPVAT em 63,3%, em média, para 2019. Também foi aprovada resolução que estabelece as características mínimas no Seguro Rural de Risco Variado (MultiSeg-Rural). 1- Alterações do Seguro Obrigatório de Danos Pessoais Causados por Veículos Automóveis de Via […]

“Why we ride” – o filme

Pensamos em escrever um texto para falar um pouco sobre o filme e tal, mas achamos melhor apenas traduzir a definição que os próprios produtores deram para esse excelente e premiado documentário sobre motociclismo. Segue: “Why We Ride é uma história sobre quem nós – motociclistas -somos. Indivíduos com um desejo de sonhar, descobrir e […]