19 °C São Paulo, BR
20 de outubro de 2020

O futuro da Royal Enfield inclui novos motores, uma Himalaia “maior” e novas motos

A Royal Enfield revelou grandes planos para o futuro e diz que mesmo a atual crise do Coronavírus não interromperá seus objetivos a longo prazo com a criação de novas motos.

O futuro da Royal Enfield pode incluir novos motores, uma Himalaia “maior” e até 14 novas motos

Apesar da desaceleração do setor de motocicletas, os fabricantes estão fazendo tudo, menos ficar parados. Novas ideias estão prosperando, a criatividade está fluindo e, enquanto a produção está em “stand by”, não faltam novos projetos de motocicletas em nosso futuro próximo.  

Até agora, desde o início do bloqueio, vimos novos modelos BMW, KTM entre outros lançados, provando que o trabalho nos bastidores não para mesmo quando a produção é interrompida. Na Índia, a sede da Royal Enfield também continua agitada. O fabricante deveria lançar duas novas motos em abril de 2020, um evento que a mídia local suspeita, será adiado para maio. Esses dois modelos são apenas um começo pois, como podemos ver, em breve deverão vir mais 14 modelos novos.

Simon Warburton. foto: MCN.com

De acordo com a revista Motorcycle News, o diretor de desenvolvimento de produtos da Royal Enfield, Simon Warburton, disse que o diretor de estratégia de produtos e design industrial da empresa, Mark Wells, introduziu nada menos que 14 novas ideias de modelos nos projetos, durante o ano passado. A publicação sugere que a lista de possíveis novas motocicletas poderia incluir projetos como novos modelos baseados em novos motores “tlins” (bi cilíndricos) e até uma Himalaia de grande cilindrada.  

Recentemente, argumentamos que um modelo de adventure bike baseado em motores bi cilíndricos seria uma jogada muito forte para a empresa. Além de expandir as linhas 650 e Himalaia – que, juntas, representam 75% das vendas da Royal Enfield na Europa, de acordo com a MCN -, esse modelo também apostaria na tremenda popularidade do segmento de motocicletas de aventura de médio/grande porte.  

foto: MCN.com

O futuro também pode ser elétrico para Enfield. O diretor-gerente da Royal Enfield, Siddhartha Lal, abordou o assunto da “eletrificação”, dizendo que é algo que a empresa pode eventualmente considerar, mas não imediatamente. 

“Estamos muito empolgados com os futuros motores elétricos e nossa visão em relação a eles, mas ainda vai demorar um pouco – antes precisamos lançar uma gama de produtos mais completa para o público”, disse ele à MCN, numa clara provocação. 

A diversão nunca para e parece que o Royal Enfield tem alguns truques nas mangas. Aliás, 14 deles.

  • Source: Sabrina Giacomini / Tradução Redação
  • Via: Rideapart.com

Artigos Interessantes

Nova BMW G310 GS revelada

Enquanto a BMW estava ocupada revelando seus mais recentes lançamentos e novos modelos no grande bikeshow Intermot em Colônia, Alemanha – nossos espiões estavam perseguindo seus pilotos de testes nas estradas alemãs para capturar uma nova moto que a BMW não quer que vejamos ainda: a nova G310 GS. Enquanto não há nenhuma confirmação oficial […]

Novidades da Honda África Twin 2018

Pode não ser a novidade mais esperada do show de Milão, mas a África Twin 2018 deve ter algumas características novas para apresentar ao público já no início de novembro. Especificamente, um novo painel e novas rodas com aros para pneus sem câmaras. Sem dúvida, a estrela da gama de produtos Honda desde o seu […]